Follow by Email/Siga-me por mail

Recent Post

sábado, 22 de julho de 2017

Uma receita DELICIOSA! Rápida e fácil de fazer!


Sim, leram bem, é mesmo D-E-L-I-C-I-O-S-A! 



Querem algo prático e capaz de fazer saltar as vossas papilas gustativas de delirio??? Aqui têm a receita.



É uma adaptação de uma receita da revista Bimby deste mês .... e garanto-vos que resulta muito bem!



Até os miúdos podem ajudar :)

Quem fica com vontade de experimentar??





Ingredientes:

(para ralar)
200 g broa de milho branco e centeio
1 dente de alho
1 c chá oregãos secos
1 c chá manjericão seco
1 c chá alecrim
150g queijo ilha 

(recheio)

150 g cebola roxa cortada em pedaços
3 dentes alho
50 g azeite
10 salsichas frescas de perú
2 folhas de louro
1 c chá manjericão seco
1 c chá oregãos secos
100 g aipo cortado em tiras finas
100 g  tomate cereja variado, cortado a meio
60 g água
pimenta e flor de sal a gosto
20 g vinagre balsâmico
20 g Favaios

(massa)

1200 g água
10 g azeite
1 c chá sal
250 g linguini
1 requeijão

Preparação Bimby:
Coloque o queijo no copo, rale 10 segs/vel.10. Retire e reserve.
Coloque os restantes ingredientes, rale 10 segs/vel. 10. Retire e reserve.

Coloque no copo a cebola e o alho. Pique 5 segs/vel.5. retire e reserve.
Coloque no copo o azeite e as salsichas e salteie 5min/varoma/c.inversa/vel.1).
Adicione o picado de cebola reservado, o louro, o manjericão, os oregãos e o aipo e cozinhe 5 min/varoma/c.inversa/vel. 1.
Junte o tomate cereja e a água e cozinhe 10 min/varoma/c.inversa/vel.1.
Tempere com a pimenta e flor de sal a gosto, o vinagre e o favaios, envolvendo bem com a ajuda da espátula.
Disponha o preparado num pirex, corte as salsichas em rodelas e leve a forno pré-aquecido a 180ºc, cerca de 10 minutos.

Entretanto, coloque no copo a água, o azeite e o sal e aqueça 10 min/100.ºc/vel. 1.
Adicione a massa através do bocal da tampa e coza, sem o copo de medida, 10 min/100ºc/c.inversa/vel.1. Retire e envolva com as salsichas.
Adicione o requeijão e metade do queijo da ilha e envolva com a ajuda da espátula.
Cubra com a broa reservada, polvilhe com o restante queijo da ilha ralado e leve ao forno a 180ºc, até gratinar. Sirva de imediato.


Preparação Tradicional:

Rale o queijo e reserve.
Pique na 1,2,3 ou num processador de alimentos os restantes ingredientes e reserve.

Pique a cebola e o alho e reserve.
Salteie as salsichas com o azeite.
Adicione a cebola e o alho picados, o louro, o manjericão, os oregãos e o aipo e cozinhe 5 minutos, em lume brando.
Junte o tomate cereja e a água e cozinhe, em lume brando, até os tomates estarem cozinhados.
Tempere com a pimenta e flor de sal a gosto, o vinagre e o favaios, envolvendo bem.
Disponha o preparado num pirex, corte as salsichas em rodelas e leve a forno pré-aquecido a 180ºc, cerca de 10 minutos.

Entretanto, coloque a água, o azeite e o sal a ferver.
Adicione a massa coza de acordo com as instruções da embalagem. Retire e envolva com as salsichas.
Adicione o requeijão e metade do queijo da ilha e envolva com a ajuda da espátula.
Cubra com a broa reservada, polvilhe com o restante queijo da ilha ralado e leve ao forno a 180ºc, até gratinar. Sirva de imediato.

0

domingo, 9 de julho de 2017

Um bolo para começar bem o dia! 

E, com uma erva que adoro - tomilho-limão!


Se não tiverem esta variedade híbrida, uma mistura entre o tomilho e o pejo, usem o tomilho normal, mas fresco.

Que bela gulodice este bolo .... Afinal, até se diz que devemos ingerir açúcares no período da manhã porque o metabolismo corporal está mais activo e temos o resto do dia pela frente para gastar as calorias.

O mote está dado e, a desculpa é perfeita, não vos parece?

Mas,também me parece uma ótima sugestão para a hora do lanche ou para levar durante a semana, na marmita! Não sei se chegará até lá, d et\ao bom que ele é! Cá em casa, ninguém lhe resiste.


     "A verdadeira felicidade é impossível sem verdadeira saúde, e a verdadeira  saúde é impossível sem um rigoroso controle da gula."

                                                                               Mahatma Gandhi

Com controlo, peso e medida vamos lá então saborear esta delicia de bolo





Ingredientes:

raspa e sumo de 1 limão
60 g manetiga sem sal (amolecida no micro-ondas)
1 ramo de tomilho-limão, com as folhas separadas do ramo
3 ovos
1/4 chávena de açúcar
120 g mel
2 chávenas farinha 
1 c chá fermento em pó
1/2 c chá bicarbonato de sódio


Preparação:

Bata os ovos com o açúcar até obter uma mistura consistente. 
Adicione o mel e mexa.
Quando estiver bem cremoso adicione a farinha, o fermento, o bicarbonato, a manteiga, o sumo de limão, as sementes de papoila e o tomilho.
Misture até obter uma mistura homogénea.
Coloque a massa numa forma de inglês, previamente untada com manteiga e polvilhada de farinha e leve a cozer, em forno pré-aquecido a 180ºc, numa forma de bolo inglês.
deixe arrefecer cerca de 10 minutos sobre uma grelha antes de desenformar.

Bom apetite!!!
0

sábado, 8 de julho de 2017

Não tenho andado muito por aqui é uma verdade!
E, esta semana, houve um sem número de pessoas que me perguntaram pelas minhas receitas!

Quem me segue no Facebook e Instagram vai tendo algumas novidades, por isso basta seguir este links e "seguirem-me" por lá! 

Hoje deixo-vos uma receita fácil, saborosa e ótima para os dias que se aproximam .... quentes!

O Verão está aí e, nesta altura do ano queremos receitas simples, práticas e deliciosas! certo?

Esta receita é uma adaptação da receita do Jamie Oliver e, acreditem ... vão adorar!!!

Cá por casa fez a delicia de todos ao jantar!

E, já popularmente se costuma dizer:

                            "Bom sono e boa comida acrescentam a vida!!"

Vamos lá então deliciar-nos!!



Ingredientes:

150 g feijão verde
150 g cuscuz
1 mão cheia de salsa picada
200 g tomate maduro picado
meia cebola roxa picada
3 peitos de frango
1 + 1/2 limão
2 hastes de alecrim
azeite qb
150 g iogurte natural
25 g cajús 

Preparação:

Coloque os peitos de frango dentro de um saco e espalme-os com a ajuda de uma frigideira. Dé dois golpes em cada um, mas sem separar a carne.
Retire do saco e tempere os peitos com sal, pimenta, alecrim, raspa e sumo de limão. Reserve.

Arranje o feijão verde e corte-o em pedaços com cerca de 3 cm cada e leve-os a cozer durante 3-4 minutos ( ou até estarem tenros). 
Retiro o feijão do lume com a ajuda de uma escumadeira e reserve.
Coloque os cuscuz num tabuleiro, verta sobre eles 225g da água de cozer o feijão e tape com película transparente. Reserve por cerca de 5-8 minutos.
Com a ajuda de um garfo mexa os cuscuz e junte a salsa, o tomate, a cebola, o feijão verde e sumo da metade de um limão.

Coloque os peitos num espeto de madeira ou, se tiver possibilidade, nas hastes do alecrim. Barre a carne com um fio de azeite e leve-os a grelhar.

Torre os cajús numa frigideira com um pouco de azeite e depois, com a ajuda do pilão do almofariz quebre-os um pouco.
Misture o iogurte, os cajús, raspa da outra metade de limão e o sumo e, caso queira, um pouco de sal e pimenta.

E .... está pronto! Basta servir os cuscuz com o frango e o molho para ir molhando a carne.



0

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Uns muffins salgados, deliciosos e simples de fazer!

Ótimos para uma refeição rápida, um pic-nic ou para levar na lancheira.

A pedido de vários fregueses aqui do blog, aqui está a receita desta apetitosa refeição!

O ditado popular diz que "Depressa e bem não há quem!" 

Mas, estes muffins são uma verdadeira exceção à regra! 





INGREDIENTES:
4 ovos
1/3 chávena leite
1 c sopa azeite
2 latas de atum (usei Bom Petisco com pimenta da terra)
1 courgete ralada
1 chávena farinha com fermento
3/4 chávena de mozzarella ralada
1 cebolinha nova
salsa picada a gosto
sal e pimenta qb

PREPARAÇÃO:
Pré-aqueça o forno a 180ºc.
Caso não use formas de silicone, pulverize 12 formas para queques e reserve.
Numa taça, misture os ovos com o leite e o azeite.
Noutra taça misture os restantes ingredientes até estarem bem ligados.
Misture os preparados e com a ajuda de colher de gelado coloque nas formas e leve a cozer cerca de 25-30 minutos.

Bom apetite!!
0

sexta-feira, 19 de maio de 2017

O Brás era um taberneiro do Bairro Alto que criou a tão afamada e típica receita portuguesa do "Bacalhau à Brás"!

Não podemos dizer que seja uma receita saudável, mas com toda a certeza podemos dizer que é bem saborosa!

O Bacalhau à Brás tem nos seus ingredientes batata frita palha, a cebola refogada, o ovo mexido, as azeitonas e a salsa picada, e é claro, o bacalhau!

Agora imaginem, ter uma alternativa saudável para este prato??

A quinoa é uma elevada fonte de fibra, saceia a fome contribuindo assim para o emagrecimento! 

Substituir a batata palha pela quinoa é a sugestão apresentada e que resultou muito bem!

É bom não esquecer, já lá diz o ditado e com razão:

 "Somos o que comemos

Pode parecer estranho mas é bem verdade!

Se comermos são, sãos seremos e assim, aqui fica a sugestão!


BACALHAU


BACALHAU

Ingredientes:

250g quinoa
2 lombos de bacalhau
250 g miolo de camarão grande
4 dentes de alho
1 alho francês (só a parte branca)
60 g azeite
4 ovos "L"
sal e pimenta a gosto
salsa picada a gosto
azeitonas a gosto

Preparação:

Lave a quinoa e prepare de acordo com as instruções da embalagem e, reserve.
Coza os lombos de bacalhau e desfaça-o em lascas.
Salteie o camarão em cerca de 20 g de azeite com 2 alhos picados. reserve.
Pique os restantes alhos e corte o alho francês em rodelas e estufe um pouco. Adicione o bacalhau, deixe tomar sabor e depois adicione os ovos, previamente batidos e deixe cozinhar.
Misture todos os ingredientes num prato de servir.
Salpique com salsa picada e azeitonas a gosto e sirva.

0

segunda-feira, 15 de maio de 2017


"UMA MAÇÃ POR DIA DÁ UMA VIDA SADIA"
                                    Provérbio popular

E é exatamente a quantidade certa para esta receita - uma maçã!

Alguém vai ter a casa para beber um café e querem ter uma sobremesa deliciosa, feita num ápice?

Vão oferecer um almoço ou jantar aos amigos e querem surpreende-los com a sobremesa?

Tenho a resposta para vocês!

Se, pela foto, acham que o aspeto é delicioso, nem imaginam o sabor que tem!!

Vejam só como é ultra-rápida e fácil de fazer!!

APFELSTRUDEL


APFELSTRUDEL

Ingredientes:
1 placa de massa folhada de manteiga (rectangular - Usei do Lidl)
1 maçã vermelha
1 mão cheia de passas
1 maçã cheia de nozes
1 polegar de gengibre ralado
1 c sopa de açúcar
açúcar e canela em pó qb para servir
gelado de nata a gosto para acompanhar

Preparação:
Desenrole a massa sobre o papel vegetal e coloque num tabuleiro para ir ao forno.
Corte a maçã em quartos e depois corte cada quarto em finas lâminas para dentro d uma taça.
Misture com o gengibre ralado, o açúcar, as nozes e as passas.
Disponha a mistura no centro da massa, no sentido do comprimento. Deixe cerca de 4 dedos de espaço a toda a volta.
Com o auxilio de um cortador de massa, corte a massa nas laterais, em cerca de 10 tiras.
Feche os topos, dobrando a massa e cortando o excesso nas pontas e depois vá ligando cada tira de massa no centro, unido-as com uma ligeira pressão.
Pincele com água e leve a forno pré-aquecido a 180ºc, cerca de 15-20 minutos ou até a massa estar dourada.
Retire do forno.
Polvilhe com açúcar em pó e canela a gosto.
Sirva com uma bola de gelado de nata a acompanhar e delicie-se com a fusão de sabores deliciosos.

Bom apetite!! 



0

segunda-feira, 1 de maio de 2017

A minha filha andava a pedir-me para fazer uma tarte de pêra!
Ela é fã de tarte de maçã e costumo fazê-la com alguma regularidade, até já vos deixei a receita aqui.

Hoje, foi o dia de experimentarmos esta DELICIOSA e nova receita.

Nos ingredientes temos uma fruta tradicionalmente portuguesa, a pêra do Oeste em plena harmonia com o pistacho, o cardamomo e o cravo da Índia.

Para culminar o festim de sabores, que devo dizer revelou-sea escandalosamente bom, servimos a tarte fatiada com um creme de mascarpone, natas e limão! 

Não posso dizer que seja dificil de fazer, exige sim alguma organização e é um pouco demorada na confeção. Contudo, garanto-vos que vale  cada minuto traduzido no sabor que fica e perdura no nosso palato.

Com esta receita  de tarte poderão surpreender os vosso convivas com sabores deliciosos e surpreendentes!
Para além do mais, tem a vantagem do seu sabor ser melhor com o passar do tempo, pelo que pode ser feita com alguma antecedência.

Vejam bem .... O que me dizem?? São servidos?




Ingredientes:
(para a tarte)
700g pêras do Oestes
1 limão
100 ml água
3 c sopa açúcar fino
90g açúcar amarelo
180 g manteiga sem sal
3 ovos
175 g farinha
1 c chá extrato baunilha
1/4 c chá bicarbonato
1 c chá fermento
1/2 c chá cravo da Índia
1 c chá sementes cardamomo
80 g pistachos

(para o creme de mascarponde e limão)
200 ml natas
125 g mascarpone
1 + 1/2 c sopa açúcar fino
sumo  e raspa de 1/2 limão

Preparação:
Descasque as pêras e esfregue-as com sumo de limão.
Coloque as pêras num tacho com a água e o açúcar e mais um pouco de sumo de limão e coloque uma tampa. Leve a lume médio cerca de 20 minutos, tendo o cuidado de ir virando as pêras para que cozam por igual.
Retire as pêras com cuidado para arrefecerem e reserve o liquido.
Quando estiverem frias corte as pêras em quartos e corte fatias com cerca de 3-5 mm.
Pré-aqueça o forno a 170ºc.
Forre om papel vegetal, uma tarteira de 23 cm, de fundo amovivel.
Numa taça junte o açúcar fino com o açúcar amarelo e a manteiga, bata bem até obter uma mistura homogénea e fôfa.
Bata os ovos com a essência de baunilha, noutra taça.
Aos poucos, adicione os ovos à primeira mstura.
Pique os pistachos, os cravos da Índia e as sementes de cardamomo. Coloque numa outra taça e jute a farinha, o bicarbonato e o fermento - Misture tudo com uma colher.
Adicione agora esta mistura seca à mistura liquida anterior.
Coloque a massa numa tarteira, alisando com a ajuda de uma espátula.
Disponha as pêras cortadas sobre a massa.
Entretanto, verifique o xarope que se formou com a cozedura das pêras. Caso ele esteja medianamente gelatinoso, está ótimo, se estiver demasiado liquido leve a lime brando até engrossar um pouco e depois, pincele as pêras.
Leve a forno pré-aquecido cerca de 50 minutos.
Deixe arrefecer lemtamente.
Retire a tarte da tarteira, somente, depois de fria.

Para o creme:
Bata o mascarpone com a raspa eo sumo de meio limão numa taça.
Bata as natas com o açúcar noutra taça até ficarem bem firmes.
Junte ambos os preparados.

No momento de servir forme pequenas "quenelles" com a ajuda de duas colheres e disponha por cima da fatia de tarte!

Bom apetite!!
0

domingo, 19 de março de 2017

O sumo e a raspa de 1 limão fazem esta deliciosa tarte!

Gostam de limão? Gostam de tarte? Não têm tempo a perder? Querem uma sobremesa deliciosa feita num abrir e fechar de olhos??

Vamos lá ... toca a ir ver a dispensa para ver se têm os ingredientes!

Esta .... já era!! 

De acordo com os comensais, os adjetivos para a TARTE são:

ESCANDALOSAMENTE DELICIOSA E SABOROSA!!!

- SOBERBA E GULOSA!

Deliciem-se um pouco com as fotos da tarte que já não existe!! Afinal, os olhos também comem!



TARTE



TARTE

E ... "Se a vida vos der limões!" ..... Façam mesmo esta tarte soberba!! 

TARTE


TARTE

Ingredientes:
(para a base)
250 g bolacha maria
125 g margarina liquida
1 c sopa leite

(para o recheio)
1 lata leite condensado
5 gemas
raspa e sumo de 1 limão médio

(para o merengue)
150g açúcar 
5 claras
1 pitada extrato baunilha

Preparação:

Triture a bolacha e misture os restantes ingredientes.
Com as mãos espalhe a mistura numa tarteira de fundo amovível. Reserve.

Entretanto, prepare o recheio, mexendo todos os ingredientes.
Verta sobre a tarteira e leve a forno pré-aquecido a 220ºc e coza cerca de 15/20 minutos.

Prepare o merengue batendo bem todos os ingredientes até obter uma mistura bem firme. Espalhe sobre a tarteira e leve ao forno a 160ºc até que o merengue obtenha uma cor acastanhada.

Bom apetite!!
2

segunda-feira, 6 de março de 2017

Uma sobremesa deliciosa e muitíssimo rápida de fazer.

Cada vez que vejo ou penso em Leite Creme lembro-me de uma amiga com quem trabalhei ... sempre que almoçávamos juntas, se houvesse leite creme .... lá vinha ele para a mesa ;)

Mas esse era o leite creme tradicional!

Este, é uma conjugação de sabores inesperadamente boa! O sabor da tradição aliado à inovação.

Gostam de inovar na cozinha? Aqui está a oportunidade de surpreenderem e serem surpreendidos ... com uma receita rápida e deliciosa 

Deleitem os vossos palatos com esta sugestão e, não esqueçam:


                "O Paladar é Uma Extensão da Inteligência"
                                                 Antonin Carême, Chef francês




LEITE


LEITE



Ingredientes:
500 ml leite
8 folhas de manjericão
8 c sopa de açúcar + qb para queimar o leite creme
30 g amido de milho
3 gemas
200 ml natas frescas bem frias

Preparação:
Leve ao lume o leite com as folhas de manjericão e deixe ferver lentamente para que o leite fique com o sabor da erva aromática.
Retire o manjericão e reserve o leite.
Numa taça misturar 5 c sopa açúcar e as 3 gemas até formar uma espuma branca. Junte o amido de milho mexendo muito bem.
Adicione o leite ao preparado a pouco e pouco, mexendo sempre muito bem.
Torne a levar ao lume e deixe engrossar um pouco.
Entretanto, bata as natas com o restante açúcar até ficarem bem espessas.
Envolva as natas batidas, delicadamente, no preparado anterior.
Disponha em taças e deixe arrefecer. 
Leve ao frigorifico até à hora de servir.
Antes de servir espalhe um pouco de açúcar por cima e com a ajuda de um maçarico queime-o.

Bom apetite!!
0

terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Uma tarte deliciosa que deve ser servida bem fresca!

Uma receita apta a celíacos, ou intolerantes ao gluten .... não tem farinha de trigo na sua composição.

Dois ingredientes que adoro .... Limão e Tomilho!  Poder juntá-los numa tarte ..... que delicia!

Adoro tartes, cá em casa todos gostamos .... costumo fazer muitas vezes a tarte de limão merengada, mas por acaso ainda não coloquei a receita aqui no blog .... uhmmmm parece que arranjei a desculpa perfeita para a fazer !

Desta vez a tarte escolhida foi esta de tomilho e limão. Podem usar tomilho vulgar ou tomilho-limão, ainda mais aromático.

Diz o ditado popular "Se a vida te der limões, faz limonada" , ou seja, aproveita tudo bem! Eu, assim fiz, para aproveitar uns limões que o meu pai trouxe da horta, bem como o tomilho - uma das minhas ervas de eleição.

O resultado .... esta deliciosa tarte que foi, literalmente, DEVORADA de tão arrebatadamente deliciosa que era!!






Ingredientes:
(para a massa)
200 g farinha de amêndoa
25 g açúcar
1 pitada de sal
1 c e meia de sopa cheia de tomilho fresco
100 g manteiga sem sal à temperatura ambiente
1 clara de ovo
raspa de 1 limão

(para o recheio)
245 g iogurte grego (usei ligeiro natural)
100 g açúcar fino
2 ovos 
raspa de 1 limão
50 ml de sumo de limão
1 c sopa de tomilho fresco
sementes da vagem de 1 vagem de baunilha
1 c sopa tomilho fresco 



Preparação:
Num processador de comida, mexa em velocidade baixa todos os ingredientes da massa até formar uma bola. Pode usar a Bimby, vel. 3, ou fazê-lo à mão.

Coloque a massa numa tarteira, usando as mãos para espalhar a massa, até que esteja completamente coberta.
Leve a forno pré-aquecido a 200ºc, cerca de 15-20 minutos, ou até que comece a ficar com uma cor dourada.
Retire do forno e deixe arrefecer.
Entretanto, misture o iogurte com o açúcar e as sementes da vagem de baunilha.
Junte os ovos um a um e depois o sumo e a raspa do limão.
Quando a massa estiver fria coloque o recheio e leve a cozer cerca de 30-40 minutos a 180ºc.
Deixe arrefecer e leve ao frigorifico cerca de 2 horas antes de servir.

Bom apetite!!
0

Author

PageRank