Follow by Email/Siga-me por mail

terça-feira, 28 de julho de 2015

O Salmorejo é um creme frio tradicional de Córdoba.

Tenho um afilhado cujas origens remontam a essa terra e foi ele quem mo apresentou ;)

Asseguro-vos que é uma delicia quando o tempo está muito quente!

A sua preparação é fácil e barata! 

A consistência final é a de um puré cremoso, mas poderão adequar ao vosso gosto, caso não gostem de um puré muito denso, acrescentando um pouco de água

Poderão preparar na véspera ou algumas horas antes de ser consumido. O importante é que esteja bem fresco.



Ingredientes:
(para 6 pessoas)

1 kg de tomate pelado e arranjado
200 g de pão picado
150 ml azeite
2 dentes de alho
sal a gosto
3 ovos cozidos e picados
150 g presunto em pedaços


Preparação:

Triturar os tomates e passá-los por um passador para limpar de sementes.
Verter sobre o pão e deixar um pouco para humedecer.
Triturar novamente, adicionando posteriormente o alho, o sal e o azeite e triturar mais um pouco.
Caso esteja muito grosso poderão adicionar um pouco de água fria e triturar um pouco mais.
Levar ao frigorífico para servir bem gelado.
Decorar com ovo picado e pedaços de presunto, a gosto.

Bom apetite!
0

domingo, 26 de julho de 2015

Dia 26 de julho é, na Igreja Católica, o dia dedicado a Santa Ana e São Joaquim, os avós de Jesus.

Celebra-se, por isso, o dia dos Avós no dia de hoje.

Para os recebermos cá em casa e para lhes adoçar a boca, a neta fez estas areias de Cascais.

Há quem diga que Cascais não tem história gastronómica.  Contudo, a receita das areias de Cascais era tida como a de um bolo real muito apreciado pelo nosso rei D. Carlos.

A receita original leva 75 g de manteiga e 25 g de banha. Cá em casa, usámos, somente, manteiga e resultaram muito bem!

Aqui ficam elas ... e esperemos que os avós gostem!

Feliz Dia dos Avós!




Ingredientes:

100 g margarina amolecida
160 g farinha com fermento
60 g açúcar moreno
açúcar qb para ajudar a formar os bolos


Preparação:

Misturar a farinha com o açúcar. 
Fazer uma cova a meio, introduzir a margarina e misturar muito bem até estar tudo ligado.
Formar pequenas bolas com as mãos e passar cada uma por açúcar.

Levar a forno pré-aquecido a 180.ºc, cerca de 20 minutos.
Ainda quentes, torne a passá-las por açúcar.

Bom apetite!



0

quinta-feira, 23 de julho de 2015

Ás vezes tenho necessidade de mudar os comuns pratos de peixe que vou servindo à mesa.

A tintureira ... uma parente próxima do cação quando a faço é em forma de "cadete de cação à alentejana" que ADORO!

Contudo, desta vez, apetecia-me variar! E ... eis que surge uma combinação improvável e deliciosa - tintureira e manga verde!

Uma óptima e surpreendente conjugação de sabores, muito rápida de fazer!

Atrevam-se a experimentar!

Asseguro-vos que todos irão gostar ... 

Foi servida com arroz de limão e uma salada bem fresca.




Ingredientes:

500 g tintureira cortada em pedaços
1 manga verde cortada em quadrados
1 polegar de raiz de gengibre ralado
1 limão
2 dentes de alho ralados
sal qb
50 g azeite
1 c chá curcuma
1 c chá mostarda em grão
1 cebola picada
coentros a gosto


Preparação

Temperar, na véspera,a tintureira com sal, sumo de limão, o alho e o gengibre ralados.
Introduzir o azeite e as especiarias na frigideira (em lume brando) e deixar torrar as especiarias para que libertem os sabores.
Adicione a cebola e a tintureira, tapar e deixar estufar cerca de 10 minutos, tendo o cuidado de ir mexendo de vez em quando.
Quando estufada, juntar a manga e deixar cozinhar cerca de 2/3 minutos.
E ... está pronta a refeição!

Servi com arroz de limão e uma salada, ficou muito bom e aromático!
0

domingo, 19 de julho de 2015

Um lanche ajantarado ao final do dia pede uma bebida leve e fresca!

Assámos no forno uns camarões, outros foram cozidos pelo meu pai, um queijo, paio caseiro alentejano (oferta de uma amiga) uma salada de feijão frade e atum foi quanto bastou para terminar o fim de semana!

Trago-vos a receita de uma "Sangria Branca" feita à minha maneira!

Espero que gostem ... estava deliciosa e nem um pouco sobrou :D





Ingredientes:

1 l vinho branco (bom)
1 lata de gasosa
50 g uvas cortadas a meio e descaroçadas
1 nectarina cortada em pedaços
1 quarto de meloa cantalupe
sumo de 1 limão
50 g açúcar amarelo
2 paus canela
4 hastes de hortelã
cubos de gelo a gosto


Preparação:

Introduzir no jarro as frutas com o pau de canela, o sumo de limão e o açúcar e deixar macerar para que a fruta liberte os açúcares e forme um xarope.
Antes de servir introduza as bebidas e o gelo. 
Mexa bem e sirva!

Aqui está o acompanhamento ...




0

sábado, 18 de julho de 2015

Este regresso está a ser feito de forma lenta, mas sempre com receitas saudáveis!

As férias foram abundantes em peixe grelhado e legumes.

Ando numa fase em que me apetece comer legumes, muitos legumes.

E ... assim ... eles têm vindo a ganhar espaço e ocupado, maioritariamente, a nossa mesa de refeição!

Adoro pataniscas e ... há mesmo muito tempo que não comia!

Ainda havia uma courgete no frigorífico, da horta do meu pai, e também tinha uma embalagem de queijo feta que estava destinada a uns burguers de salmão.

Os burguers perderam a prioridade e determinei-me a fazer estas pataniscas de courgete que são uma verdadeira delicia.

O facto de terem sido cozinhadas no forno, dispensando gordura desnecessária, a fofura que as mesmas tinham e o gosto a hortelã, tornaram-nas uma iguaria deliciosa!

Partilho assim convosco estas deliciosas pataniscas saudáveis.

Tenho a certeza que farão a delicia aí por casa.





Ingredientes:

1 courgete média ralada (não retirei a casca)
200 g de queijo feita desfeito com as mãos
2/3 chávena farinha com fermento
2/3 chávena farinha milho
cerca de 10 folhas de hortelã picada
2 ovos 
pimenta e sal a gosto
Azeite em spray (se não tiverem, poderão substituir por um pequeno fio de azeite)




Preparação:

Espremer, com as mãos, a courgete, de modo a retirar o excesso de água que ela liberta.

Misturar todos os ingredientes, à exeção do sal e da pimenta, com a ajuda de um garfo.

Não se esqueçam que o queijo feta é salgado pelo que deverão provar a mistura e só, se necessário, deverão acrescentar um pouco de sal. 
Adicionem pimenta moída a gosto.

Forrem um tabuleiro de forno com papel vegetal.

Com o auxilio de uma forma redonda (eu usei a de um queijo fresco) façam as pataniscas colocando uma colher de sopa (bem cheia) em cada uma delas.

Pulverizem com azeite em spray ou acrescentem um fio de azeite em cada uma das pataniscas.

levar a forno pré-aquecido a 200ºc, cerca de 25 minutos.

Acompanhei com arroz de tomate e uma salada de tomate temperada com óregãos. 

Estava tudo, uma verdadeira delicia!

Bom apetite!

0

terça-feira, 14 de julho de 2015

O regresso de um pequeno período de descanso é feito de forma lenta, não deixando, no entanto de ser saboroso ;)


Os dias foram de passeio e preguiça, desligada dos afazeres culinários, dedicada à família e ao descanso.

Sobretudo, o descanso foi quem imperou!

Recarregar baterias foi o essencial e a comunhão em família de dias muito bem passados.

Oportunidade de conhecer novas paragens e também de fazer novos amigos, apanhar muita vitamina D e deixar tudo fluir!

Agradecer tudo aquilo que nos é dado e aproveitar toda a abundância subjacente a este período estival.

Voltar à rotina é necessário, se bem que neste período das férias escolares e com dias mais longos tudo é um pouco diferente.

Ontem era segunda feira e, era preciso cozinhar!

Já não havia quem o fizesse por nós e era preciso deliciar a família com uma sugestão que, não só "respeitasse" o dia - "Meatless Monday", ou segunda sem carne, como também os palatos cá de casa.

Precisava de uma receita rápida, que não necessitasse de grande preparação e que quase se fizesse sozinha.

Importante, também, era que fosse deliciosa!


Foi eleita a receita perfeita para quem regressava do descanso - fácil, rápida, deliciosa e barata - Esparguete Rápido com Courgette, Cogumelos e Ervilhas.




Ingredientes:

400 g água
300 g esparguete
300 g cogumelos
2 courgetes cortadas em pedaços
100 g ervilhas
2 dentes de alho laminados
3 hastes de tomilho limão
1 fio de azeite
sal e pimenta a gosto
20 g parmesão ralado
200 ml creme soja ou, iogurte natural


Preparação:

Colocar num tacho largo, a água, o esparguete, os cogumelos, a courgete, as ervilhas, os dentes de alho, as hastes de tomilho, sal e um fio de azeite.

Quando começar a ferver colocar o lume no mínimo e vá vigiando e mexendo para que não pegue.

Verifique a cozedura. Poderá ter de deixar ferver um pouco mais caso a massa não esteja "al dente".

Não restará água no tacho!
Adicione as natas, mexa bem e, por fim o queijo ralado.

Sirva de imediato!

Bom apetite e boas férias se for esse o caso.







0

sexta-feira, 3 de julho de 2015

Para petiscar e comer com os dedos!

Antes do almoço e para ir abrindo o apetite fiz estes folhados muitíssimo rápidos.

Podem levá-los para um pic-nic ou para "tapear" com uma cerveja ou um refresco a gosto.

Uma óptima ideia para partilhar numa ida à praia :D

Os miúdos, normalmente, gostam de participar na preparação desta receita!

Divirtam-se com eles.






Ingredientes:
(para cerca de 30 mini-caracóis)

1 placa de massa folhada congelada
8 fatias de queijo de barra
4 fatias de fiambre 
tomate cereja seco ao sol (não se esqueçam de colocar um pouco de molho em água pois são muito salgados. Poderão usar tomate seco em conserva de azeite, mas sequem o azeite)
algumas sementes de papoila para decorar.


Preparação:

Corte a placa em duas com a ajuda de uma faca ou de um cortador de massa.

Estique-a um pouco no sentido do comprimento de modo a que caibam 4 fatias de queijo lado a lado.

Disponha por cima o fiambre. Ou seja por cima de cada duas fatias de queijo, introduzir uma de fiambre.

Para variar, na outra metade, coloque um pouco de tomate cereja seco. Poderá optar por colocar outro ingrediente a gosto.

Enrole a massa pressionando-a um pouco. Corte em rodelas com cerca de meio cm de espessura.
Deverá ter o cuidado de, depois de cortada a massa, fazer uma ligeira pressão com os dedos para que não levante.

Na metade que só levou queijo e fiambre, enfeitei com algumas sementes de papoila.

Disponha num tabuleiro forrado com papel vegetal e leve a forno pré-aquecido a 180º c (forno pastelaria) cerca de 15/20 minutos ou até que estejam assados.


Depois, é só comer!!

Bom apetite!

0


Smoothie é sinónimo de bebida saudável e refrescante.
Assim sendo, é óptima para os dias de calor!

Fácil de fazer, muito saborosa e acompanha muitíssimo bem o Bolo de Abacaxi e Lima

Espero que gostem! Cá por casa fez a delicia de todos!

A hortelã foi apanhada no campo numa horta que alguém deixou para trás! Era tão aromática que apaladou este smoothie com o seu sabor característico a menta dando-lhe um óptimo gosto.


Ingredientes:
(4 copos médios)

400 g abacaxi
150 g gelo
100 g água
3 folhas grandes d hortelã + algumas para decorar


Preparação na Bimby:

Colocar no copo o abacaxi, o gelo e as folhas de hortelã. Dar alguns golpes de turbo.
Depois marcar 1 minuto à velocidade 7 e juntar a água.
Sirva de imediato!


Preparação Tradicional

Num processador de alimentos picar o abacaxi e a hortelã.
Com a ajuda d eu triturador de gelo, triture o gelo e depois coloque-o  no processador.
Misture tudo na velocidade máxima até que tudo de desfaça.
Adicione a água e misture um pouco mais até que fique homogéneo.

Sirva de imediato!


0

Author

PageRank